quinta-feira, 19 de agosto de 2010

       Não é estranho...crianças são abandonadas por mães desnaturadas ainda recém nascidas, as vezes são jogadas até em latas de lixo, morrem, são encontradas, deixadas nas portas das casas, em orfanatos, alguns encontram famílias boas, tem um bom futuro, outros penam por não ter a mesma sorte, felizes os que são adotados, recebem carinho, amor, aprendem o que é respeito, família, base...crescem, mas novamente pergunto... não é estranho, filhos são adotados, mas agora pergunto, e quando somos recém nascidos e nossas mães morrem no parto? e quando ainda nem aprendemos a andar, ou aprendemos a andar, falar, e mais ainda, prometemos e até juramos um dia nos transformarmos em doutor e a nossa mãe não chega a esse tempo para acompanhar e presenciar tamanha realização, mães não deveriam morrer, mães precisam ser para sempre, mãe também devia se adotar, mas qual substituiria a minha? PROVAVELMENTE, nenhuma, não consigo entender, como saio do ventre dela, e em tão pouco tempo a vejo retornando ao pó, foi DEUS que nos deu, mas ao mesmo tempo entendo que DEUS que as leva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário